Alumínio e a reciclagem

ALUMÍNIO

alumínio foi e é muito importante para o desenvolvimento da sociedade moderna. Apesar de ser considerado um recurso natural inesgotável, a constante e crescente exploração afeta o ambiente.

O alumínio possui características que lhe conferem uma extrema versatilidade.

Características:

A leveza é uma das principais características do alumínio, mas também tem: elevada resistência à corrosão, um condutor de alumínio pode conduzir tanta corrente quanto um condutor de cobre, possui condutibilidade térmica 4,5 vezes maior que a do aço, tem refletividade e por isso possui ampla utilização em luminárias, por não ser magnético, o alumínio é frequentemente utilizado como proteção em equipamentos eletrônicos, é um importante elemento de barreira à luz, é também impermeável à ação da umidade e do oxigênio, tornando a folha de alumínio um dos materiais mais versáteis no mercado de embalagens. A característica de ser infinitamente reciclável, sem perda de suas propriedades físico-químicas é uma das principais vantagens do alumínio.

O alumínio no seu dia a dia

O alumínio é extremamente presente no dia a dia da sociedade. Este metal se tornou tão vital que seria praticamente impossível o ritmo de desenvolvimento industrial se manter se todo o alumínio existente fosse retirado.

 O alumínio está presente em: latinhas , antitranspirantes, vidros à prova de balas, filtros de coifa, asas de aviões. O equipamento eletrônico que você está utilizando com certeza possui alumínio em alguma peça ou parte vital.

De onde vem o alumínio?

De minas de extração natural de bauxita que é a principal fonte natural de alumínio (terceiro elemento mais abundante na natureza), e a maior parte de sua extração mundial é destina à obtenção desse elemento. Para que seja economicamente aproveitável, a bauxita deve apresentar no mínimo 30% de óxido de alumínio.

A bauxita é uma rocha laterítica branca, vermelha ou cinza caracterizada pelo alto teor de alumina Al2O3 e e outros compostos em menores quantidades, como sílica, dióxido de titânio, óxidos de ferro. O que dá a colocação desta rocha é a quantidade de óxido de ferro que possui, que vai de 2 a 25% de óxido de ferro.

 No Brasil, o Estado do Pará é o maior produtor nacional de bauxita, seguido por Minas Gerais. O Brasil está em terceiro lugar no hanking mundial atrás somente da Austrália e da China.

O processo de lavra dos minérios de bauxita é feito a céu aberto. Veja as etapas:

  1. Remoção de toda a vegetação e terra que se acumulam sobre os depósitos naturais de bauxita.
  2. A bauxita é extraída, transportada e armazenada
  3. A bauxita é moída e sofre um processo físico-químico para originar a ALUMINA (esse processo usa muita água)
  4. É retirado as impurezas da alumina e se formam barragens
  5. Em um próximo processo físico-químico com uso de energia elétrica a alumina origina o alumínio puro e líquido.

Para que a produção de alumínio seja economicamente viável, a bauxita deve apresentar no mínimo 30% de óxido de alumínio (Al2O3 ) aproveitável.

São necessários 5 a 7 toneladas de bauxita para produzir 2 toneladas de alumina (óxido de alumínio), que se convertem em 1 tonelada de alumínio.

IMPACTOS AMBIENTAIS DA EXPLORAÇÃO DO ALUMÍNIO

Desmatamento, Flora e Fauna

A área de mineração de bauxita é coberta pela vegetação típica do bioma onde está localizada e do solo orgânico. A bauxita pode estar de 20 cm a 8 metros abaixo do solo, esta camada natural é removida com o uso de equipamentos pesados para ser carregada em vagões, caminhões ou correias alimentadoras, para serem processadas nas plantas de moagem e lavagem (processo que envolve uso de água em abundância).

Consumo de Energia

Devido ao fato do alumínio ser um metal muito estável, a energia necessária para a sua produção é extremamente alta, chegando à 16,5 kWh para cada quilo de alumínio produzido

Um kg de alumínio produzido por meio da alumina consome a energia necessária, em média, para manter um computador funcionando por 8 horas, todos os dias, durante um mês.

Graças a este consumo extremo de energia, a planta industrial que transformará a alumina em alumínio deve possuir estações geradoras de energia exclusivas para a sua produção.

Emissão de gases poluentes

A produção do alumínio, desde a extração da bauxita até a transformação da alumina em alumínio, gera alguns gases poluentes, como o gás carbônico (CO2) e os perfluorcarbonetos (PFCs).

Lama vermelha

A lama vermelha é um resíduo insolúvel e não é considerada como um resíduo tóxico, porém, por ser um resíduo extremamente rico em metais e apresentar uma alcalinidade muito alta, quando em contato com efluentes e organismos vivos, ela pode ter uma influência muito forte no meio, alterando as propriedades e a estabilidade. 

RECICLAGEM DE ALUMÍNIO

O alumínio é considerado um material 100% reciclável, pois não se degrada no processo de reciclagem. Se um quilo de alumínio for reciclado, teoricamente um quilo será recuperado.

O processo da reciclagem do alumínio consiste basicamente no aquecimento até a sua total fundição, quando o alumínio fica líquido e pode ser moldado novamente.

Entre as vantagens da reciclagem do alumínio, estão:
  • Capacidade de ser reciclado infinitas vezes sem perder suas propriedades;
  • A reciclagem de um quilo de alumínio consome apenas 5% da energia necessária para a produção de um quilo de alumínio;
  • A cada tonelada de alumínio reciclado, nove toneladas de CO2 são poupadas (cada tonelada de CO2 equivale a dirigir 4800 km);
  • A cada tonelada de alumínio reciclado, cinco toneladas de bauxita são preservadas.

CONCLUSÃO

A problemática do alumínio é justamente a sua mineração e seus impactos ambientais na biodiversidade do local. Tem que haver um planejamento de longo prazo de reposição e reflorestamento. Além dos riscos de acidentes com barragens e uso de grande quantidade de energia e agua no processo.

Então a RECICLAGEM é fundamental e de extrema importância!

Você e eu podemos ser os heróis da história do nosso planeta quando nos colocamos nesta posição de responsabilidade, mesmo anônimos temos a recompensa de um meio ambiente valorizado e nos retornando positivamente.

Somos quase 8 bilhões de pessoas no mundo, imagine se todos tiverem a boa ideia de destinar seus resíduos para a reciclagem? O resultado seria surpreendente e maravilhoso.

Cada um tem seu papel, não importa se grande ou pequeno, “A perfeição não está na igualdade, mas na união de propósitos (pr Cláudio Duarte)”.

Anterior